21 setembro 2016

PLAYLIST: KPOP DA BAD!




               Olá galera! Esse é um post especial para os kpoppers, ou para quem quer conhecer mais esse estilo. Todos nós temos aquele momento que precisamos ficar mais isolados e ouvindo musicas mais calmas ou até tristes. Aquelas musicas que nos deixam no fundo do poço hahaha Entãaao, resolvi fazer uma playlist especial para esse momento.
                Gravei um vídeo para mostrar 10 musicas para essa playlist, e também fiz uma playlist extra no spotify, tudo isso vai estar nesse post. Então aproveitem haha espero que gostem das músicas escolhidas! Todas as músicas que escolhi, são musicas que eu gosto mesmo e escuto no meu dia a dia, juntei tudo em um lugar só!


                                               
Minhas redes sociais:
Snapchat: sonhos_debora

18 setembro 2016

Resenha: A probabilidade estatística do amor a primeira vista!





             Quem ai ainda não leu esse livro? Por que você ainda não o leu? A Probabilidade Estatística do Amor a Primeira Vista é o exatamente aquele tipo de livro que você precisa ler nos momentos mais estressantes, esse livro vai te acalmar e te fazer bem. É um livro para relaxar, pra você ler em sua semana de provas ou naquela semana triste do trabalho. Caso você tire um tempo para ler, você irá lê-lo em algumas horas. Eu AMO esse tipo de livro, pra justamente relaxar a .nossa mente!
                   Então vamos à história. O livro todo se passa em 24 horas, isso mesmo! haha tudo nesse livro só nos prova que realmente devemos acreditar em destino. Por causa de quatro minutos de atraso para pegar o avião para Inglaterra, Hadley conhece Oliver. Hadley desde o começo acha que a viagem vai ser horrível e que vai apenas ir para o casamento de seu pai, o qual ela não quer ir. Mas o destino trouxe Oliver. O livro todo mostra como foi a evolução do relacionamento deles nesse dia, o jeito que ele ajudou ela e a apoiou até acontecer o inverso.
             

                 Oliver é um fofo, é um daqueles personagens que temos vontade de guardar em um potinho para sempre e ficar admirando haha. Ele consegue fazer Hadley se sentir melhor o tempo todo e esquecer todos seus problemas. Os dois conversam sobre tudo durante o voô, o que nos faz ficar muito próximos dos personagens e shippar ainda mais esse casal!
                       Focando agora na Hadley, no livro podemos ver que ela ainda está muito chateada com a separação dos pais e o afastamento do pai dela, que foi morar em outro país e acabou se apaixonando por outra mulher. Hadley acabou se sentindo abandonada. Porém, quando ela acabou abrindo seu coração para seu pai e vendo que nem tudo era aquele bicho de sete cabeças que ela via, o livro fica muito emocionante.
                      O livro mostra muito a relação entre pessoas e como o destino funciona bem com todos. Me surpreendi bastante com o final do livro, e todo livro me trouxe uma felicidade imensa, o que o deixa ainda melhor. De 0 a 5 estrelas, daria 4 estrelas para esse livro!



SinopseCom uma certa atmosfera de "Um dia", mas voltado para o público jovem adulto, A probabilidade estatística do amor à primeira vista é uma história romântica, capaz de conquistar fãs de todas as idades. Quem imaginaria que quatro minutos poderiam mudar a vida de alguém? Mas é exatamente o que acontece com Hadley. Presa no aeroporto em Nova York, esperando outro voo depois de perder o seu, ela conhece Oliver. Um britânico fofo, que se senta a seu lado na viagem para Londres. Enquanto conversam sobre tudo, eles provam que o tempo é, sim, muito, muito relativo. Passada em apenas 24 horas, a história de Oliver e Hadley mostra que o amor, diferentemente das bagagens, jamais se extravia.


Título: A Probabilidade Estatística do Amor à Primeira Vista
Título Original: The Statistical Probability of Love at First Sight
Livro Único.
Autor: Jennifer E. Smith
Editora: Galera Record
Páginas: 224
Ano: 2013


Minhas redes sociais:
Snapchat: sonhos_debora

03 agosto 2016

ME MUDEI + "TOUR" PELA CASA NOVA!

   

             Olá meus amores, tudo bem? Tenho tanta coisa pra contar pra vocês, estou tão sumida aqui não é? (porém, no youtube estou super ativa) haha. Hoje vim aqui contar uma novidade da minha vida pra vocês, eu me mudei! E adivinhem.. gravei tudo pra mostrar pra vocês, acreditem hahaha.
            Não gosto muito de me mudar, mas pra mim mudança significa renovação, e é isso que eu precisava, de uma renovação na minha vida, estou amando tudo isso!
            Quando eu gravei, minha intenção não era fazer um tour pelo apartamento, mas no meio do vlog tive essa ideia e acabei fazendo um tour pela casa toda, mostrando cada comodo no vídeo hahah então vamos logo para o vídeo sem mais enrolações! Eu realmente espero que vocês gostem ♥




Minhas redes sociais:
Snapchat: sonhos_debora

07 junho 2016

Inspiração: O pink vai dominar o mundo! (Decoração)

            Olá meus amores, tudo bem? Quem me conhece e acompanha o blog sabe o quanto eu AMO a cor rosa, apesar de eu não ser nada fofa ou estilo patricinha (sou uma ogra), essa cor me chama muito a atenção e me deixa muito feliz.
             Ultimamente eu ando pesquisando muitas inspirações de decoração, amo estudar um pouco sobre isso. E como minha cor preferida é a rosa, resolvi juntar as duas coisas e VUALÁ, surgiu esse post fofo e inspirador para todo mundo que gosta de rosa ou que quer um pouquinho mais de cor para algum cantinho da sua casa ♥. Vamos começar? TODAS as inspirações foram tiradas do Pinterest.

Quarto:







Cozinha:




Jardim:







Sala:




          E ai, gostaram? Eu estou apaixonada por cada inspiraçãozinha ♥

Minhas redes sociais:

02 junho 2016

GRATIDÃO!


          Olá meus amores, tudo bem com vocês? Hoje meu post é sobre algo que comecei a praticar a pouco tempo e depois que comecei a pensar sobre isso e raciocinar, eu passei a ficar muito intrigada sobre esse assunto, tanto que resolvi falar em vídeo tudo que eu precisava dizer. Esse assunto é a GRATIDÃO. Porque somos tão ingratos? O que nos custa agradecer aos pequenos detalhes? É nisso que eu passei a pensar. 
           Sabe aqueles pequenos detalhes que nos fazem felizes? Tipo quando sentimos cheiro de chuva, ou quando nossas mãos estão frias e pegamos na xícara de chocolate quente, ou quando nossa mãe nos abraça? Então, eu passei a ficar agradecida a cada uma dessas coisas e isso me trouxe um resultado gigantesco que vocês nem podem imaginar. Eu passei a ser feliz. Não apenas ter momentos felizes, eu parei de ficar tão estressada com a vida e comecei a olhar tudo com olhos gratos, "hoje eu sou grata porque é feriado", "hoje eu estou grata porque estou assistindo meu filme favorito", "hoje eu comi brigadeiro, estou muito grata por isso". Vocês não tem ideia da paz que essas frases estão me trazendo, do bem que isso está me fazendo. 
         E é por isso que eu precisava passar isso a diante, antes de tudo: não tem NADA haver com religião, é apenas algo que eu fui adaptando na minha vida para deixar ela cada vez mais feliz. Tudo que eu falei no vídeo, quero que vocês sigam a risca, prometo que vai melhorar a vida de vocês ♥



Minhas redes sociais:

31 maio 2016

BookShelf Tour: Minha estante de livros ♥



           Olá meus amores, como vocês estão? Eu resolvi fazer um (mini) tour pela minha tão amada estante de livros amarela, meu xodó! Galera, já deixei o MINI bem claro, porque eu realmente não tenho muitos livros, tenho o necessário para todo o meu coração (na verdade, é porque os livros estão muito caros haha). Já mostrei nesse post aqui como eu fiz essa estante fofa e linda que eu tanto amo, vocês viram a GRANDE transformação que aconteceu nela. E os meus livros, já mostrei quase todos nos meus vídeos do canal ♥
           Então vamos lá, ninguém quer ficar me vendo (ou me lendo) falar tanto, vamos direto ao que interessa, não é mesmo?



Minhas redes sociais:

28 maio 2016

Me encontrar.

         Sei que muitas de nós está passando pela mesma fase, acho que é normal isso acontecer pelo menos uma vez na vida. E dizem que ser adulto é difícil. Acho que os adultos já se esqueceram de como é ser adolescente. Ser adolescente não é ser criança e não é ser adulto, é não poder ser infantil demais e nem maduro demais e o pior: é não saber fazer escolhas que podem (e vão) definir o que será do resto das nossas vidas. Ser adolescente é isso, é ser um poço de incertezas
        Olhando bem para mim mesma, consigo ver claramente essa incerteza. Ora, eu nem consigo ficar mais de um ano gostando das mesmas coisas (algumas continuam sendo queridas), imagina tentar manter um equilíbrio nessa mente cheia de incertezas. Em menos de 10 anos podemos ser roqueiros, hispster, otakus, totalmente cute, intelectuais, desleixados, organizados, contra o sistema, a favor do sistema, super amor próprio ou zero alto estima. E o pior, é que ninguém pode nos ajudar a arrumar essa bagunça. a bagunça só vai se organizar quando o mundo quiser que isso aconteça (talvez nunca aconteça), não podemos mais deixar que nossos pais organizem tudo por nós (de vez em quando, talvez).
         A bagunça interna vai se tornando desafios que temos que enfrentar, infantilidades que temos que abandonar e um pouco de conhecimento sobre a vida que com certeza irão se acumular, o pior é que nem a rima faz esse processo parecer fácil e organizado. As vezes, nós nem precisamos pensar muito para que as incertezas apareçam, as vezes ela vem como uma velha amiga e nós vamos nos acostumando a te-la por perto. Será que nos acostumamos?
         E chega a hora de enfrentar o maior desafio que vamos enfrentar nessa fase, ou talvez na vida inteira: Quem sou eu? É nessa hora que a nossa vontade é deitar em posição fetal para sempre, mas a pressão que nos impõem torna até esse ato impossível. É hora de escolher o que você vai fazer da sua vida. E se eu não tiver escolha? É, sempre tem algo para deixar nossas incertezas piores. 
       Mas sabe, em um desses momentos de incerteza foi quando eu descobri que: Cara, vamos relaxar, a vida é só uma mas somos muito novos para decidir o que fazer. E se eu não quero ser só uma coisa para o resto da vida? Você não precisa! A maturidade um dia vai se juntar com nossos gostos, e ai vamos perceber que a gente pode fazer TUDO que a gente achar melhor para nós mesmos. Eu não quero ser mandada por ninguém, eu não quero não ser ninguém, eu só quero o mundo e sabe? Eu posso ter. Você pode ter. 


Minhas redes sociais: